Página inicial - Apresentação
Comisões
Palestrantes
Programação Científica
Inscrições
Trabalhos científicos
Reserva de passagem e hospedagem
Local do evento
Secretaria executiva
Secretaria Online - Área Restrita
LOCAL DO EVENTO
 Descubra BH e seus belos horizontes

Belo Horizonte é a terceira maior cidade do país. As linhas sinuosas de seu relevo, acompanhadas por um conjunto arquitetônico que passa pelo neoclássico, chegando ao modernismo, tornam a capital mineira charmosa e fascinante.

Apesar de já ter completado um século de existência, Belo Horizonte permanece jovem, vigorosa, vibrante. Sempre aliando desenvolvimento e modernidade à preservação de sua beleza arquitetônica, de suas praças, parques e jardins, BH é uma cidade múltipla e um dos mais importantes pólos econômico e industrial do país.

Da Pampulha à Praça do Papa, do Mineirão à Praça Sete, BH é uma capital em constante movimento, que avança em ritmo acelerado, mas prima pela qualidade na prestação de serviços e se orgulha de ser reconhecida como cidade brasileira de excelência médica. Não é a toa que Belo Horizonte tem sido escolhida como palco de grandes eventos nacionais e internacionais.

Além de oferecer o que há de melhor em serviços, aqui o visitante é convidado a se sentir em casa e a desfrutar de um dos mais importantes quesitos de um grande destino: seus valores humanos.



TURISMO
Praça da Estação

A Praça Rui Barbosa, conhecida como Praça da Estação, é um corredor cultural formado pelos prédios do Museu de Artes e Ofícios, Casa do Conde de Santa Marinha, Centro Cultural da Universidade Federal de Minas Gerais, o Viaduto de Santa Tereza e a Serraria Souza Pinto. A grande maioria dos prédios é da década de 20, formando um dos principais acervos do estilo neoclássico da cidade.

A praça tem sua origem na construção da cidade, quando a estação ferroviária funcionava como a porta de entrada da nova capital.

Praça da Liberdade

O conjunto arquitetônico da Praça da Liberdade, além de grande destaque da arquitetura de Minas Gerais, é um dos cartões postais de Belo Horizonte.
A praça é formada por jardins, alamedas, fontes e esculturas. Ao seu redor, os prédios históricos – tombados pelo Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico (IEPHA) – reúnem obras da arquitetura moderna, art-déco e pós-moderna.

Ponto de encontro de BH, a Praça da Liberdade é uma dos lugares prediletos dos belorizontinos. Sempre alegre e cheia de gente, é ideal para passeios de fim de tarde e caminhadas.

Praça do Papa

A Praça Israel Pinheiro, mais conhecida como Praça do Papa, fica aos pés da Serra do Curral – símbolo da cidade eleito pelos belorizontinos. Um monumento em ferro erguido em homenagem ao Papa João Paulo II marca o centro da praça.

Mas a grande atração da praça é a vista de Belo Horizonte. Tanto de dia quanto à noite, a praça é um lindo mirante da cidade.

Atualmente, o local também é palco de inúmeras apresentações culturais como peças teatrais, shows, entre outros.

Praça Sete

A Praça Sete fica no cruzamento de duas das principais avenidas da cidade, a Afonso Pena e a Amazonas. O famoso “Pirulito”, obelisco construído em homenagem ao Centenário da Independência do Brasil, marca o coração do centro de Belo Horizonte.

Pampulha

A Pampulha é roteiro obrigatório para quem está visitando a cidade. Construído na década de 1940, ao redor de uma das mais belas lagoas urbanas do país, o Conjunto Arquitetônico da Pampulha é formado pela Casa do Baile, Igreja de São Francisco de Assis, Museu de Arte e Iate Tênis Clube. Projetadas pelo arquiteto Oscar Niemeyer a pedido do então prefeito Juscelino Kubitschek, as construções foram um marco na arquitetura moderna brasileira. O Conjunto teve ainda contribuição de grandes artistas como Cândido Portinari, Burle Marx, Ceschiatti, Zamoiski e José Pedrosa.

Outros atrativos foram incorporados ao complexo: o estádio Mineirão e o ginásio Mineirinho, o Zoológico, o CEPEL e o parque de diversão Guanabara.

Savassi

A Savassi é um dos maiores centros comerciais de Belo Horizonte, e também uma das regiões mais badaladas da cidade – são bares, restaurantes, casa de shows, livrarias, hotéis, lojas e shoppings, galerias de arte e cinemas. Uma boa dica para o visitante descobrir o charme da Savassi é passear a pé pelas ruas, e não deixar de comer um tira-gosto em um dos inúmeros bares da região.

A Padaria Savassi, que durante anos funcionou na Praça Diogo Vasconcelos (hoje Praça da Savassi), deu o nome a essa região central de BH. Na década de 40, a padaria era ponto de encontro de políticos e da alta sociedade. Nos anos 90, Savassi se tornou o nome oficial da região.

Museu de Arte da Pampulha

O prédio onde hoje funciona o Museu de Arte da Pampulha foi a primeira obra do conjunto arquitetônico da Pampulha projetada por Niemeyer. Originalmente, funcionava como um cassino. A partir de 1957, passou a abrigar o MAP que, atualmente, conta com um acervo de 900 obras, biblioteca, loja de souvenirs, café e salas de multimídia.

Os jardins externos também merecem destaque: projetados por Burle Marx, contam ainda com esculturas de Ceschiatti, Zamoiski e José Pedrosa.

Endereço
Av. Otacílio Negrão de Lima, 16585
(Pampulha)
Tel.: (031) 277-7953
Horário
3ª a domingo de 9 às 19 horas

Museu Mineiro

O Museu Mineiro, inaugurado em 1982, funciona no antigo Senado Mineiro. Seu acervo é constituído por objetos que documentam momentos importantes do processo de formação da cultura mineira.

Endereço
Av. João Pinheiro, 342 – Funcionários
Tel.: 31 3269 1168
Fax: 31 3213 5577
E mail: sum.sec@mg.gov.br

Horário
De terça a sexta, das 10h às 17h.
Sábado, domingo e feriados, das 10h às 16h.

ACESSOS À BELO HORIZONTE
AÉREO

Servida pelas principais empresas de transporte aéreo do país, Belo Horizonte, através de dois modernos e confortáveis aeroportos, possui vôos diretos para as principais capitais e centros urbanos do país.

Aeroporto da Pampulha

Ssituado a aproximadamente 8,5 Km do centro da capital mineira, recebe vôos de empresas de transporte aéreo regional, além de atender à aviação executiva. Traslados aeroporto/cidade e vice-versa podem ser feitos por táxis ou por ônibus executivos da Conexão Aeroporto, telefone (31) 3224 1002 , que partem da Avenida Álvares Cabral 387, Centro.

Aeroporto Internacional Tancredo Neves
Também conhecido como Aeroporto de Confins, dista 40 km da capital mineira e é ligado à cidade através de moderna via expressa. À semelhança do Aeroporto da Pampulha, o traslado para o Aeroporto de Confins pode ser feito através de táxis ou de ônibus executivos da Conexão Aeroporto.

RODOVIÁRIOS

Belo Horizonte possui localização privilegiada e faz parte dos maiores eixos rodoviários do País, possibilitando que empresas de transporte intermunicipal e interestadual de passageiros conectem BH aos principais centros urbanos brasileiros.

Algumas vias de acesso:

São Paulo: BR381 (rodovia Fernão Dias)
Passando pelo Sul de Minas (Extrema, Pouso Alegre, Itajubá, Varginha).

Rio de Janeiro: BR040
Passando por Petrópolis (RJ), Juiz de Fora (MG), Barbacena (MG) e Conselheiro Lafaiete (MG).

Espírito Santo: BR262
Entrando em Minas por Manhuaçu.

Goiás e Distrito Federal: BR040
Passando por Paracatu (MG), João Pinheiro (MG), Três Marias (MG) e Sete Lagoas (MG).

Terminal Rodoviário

Pça Rio Branco - Centro
Tel. 3271-3000 / 3271-8933
www.pbh.gov.br/linhasrodoviarias